I wannabe your.. Jane Birkin!

04ago10

I wannabe your… É um novo tipo de post. Nele eu vou colocar meus ícones de moda.

Para iniciar uma das minhas favoritas, Jane Birkin. Muita gente já ouviu esse nome no mundo da moda, por causa da it Bag mais famosa e desejada do mundo, a Birkin da Hermés, mas muitos não sabem o por que do nome e não sabem nada sobre quem batizou a bolsa.

a musa.

a criação.

 Bela, talentosa e polêmica, a atriz e cantora Jane Mallory Birkin nasceu em Londres  no dia 14 de Dezembro de 1946, foi casada três vezes, o que era muito para os padrões da época. Símbolo da libertação sexual de uma geração, mostrava-se a vontade com seu corpo, deixando-se fotografar nua para as capas de seus discos e fazendo cenas de nudez em seus filmes.

Gravou 17 discos e atuou em dezenas de filmes.
Com seu segundo marido e mentor criativo, Serge Gainsbourg, gravou a música Je T’aime … Moi non Plus, sucesso enorme que até hoje é lembrada. Virou um icone da música francesa.

Um olhar mais detido em suas fotos revelam que o estilo sexy e despretensioso de Jane Birkin era absolutamente atemporal e suas produções poderiam circular facilmente pelo atual cenário da moda, com um lado conceitual mas sem ser carnavalesco.

Como se vê nas fotos acima, Jane costumava circular por aí carregando cestas no lugar de bolsas. Em 1984 ela encontrou no avião um senhor que lhe perguntou porque ela não usava algo mais apropriado para carregar suas coisas, e então ela respondeu: “Quando a Hermès fizer uma agenda com compartimentos eu terei uma”. Sabe o que o tal senhor respondeu?: “Pois eu sou Hermès. Sou Monsieur Jean-Louis Dumas da Hermès. Dê-me sua agenda que eu colocarei os compartimentos nela”. E foi aí que Jane retrucou: “Bom, então porque o senhor não faz logo uma bolsa? Algo maior e com alças apropriadas!”. E ainda acrescentou que poderia ser algo que pudesse ficar aberta o tempo todo, e preta. Algum tempo depois Monsieur Dumas perguntou se ela não se incomodaria se ele desse seu nome à bolsa. Claro que a resposta não poderia ter sido outra: “Sim! Ficaria muito honrada!”. Jane Birkin não só ganhou uma bolsa criada para atender suas necessidades, como emprestou seu nome para a criação, que segue sendo um dos itens mais cobiçados do mundo da moda.
Apesar de ainda ser cantora, JB já não tem o espaço na mídia que tinha nas décadas de 60 e 70. Suas aparições são menos freqüentes assim como suas fotos.
Jane é mãe da também cantora e atriz Charlotte Gainsbourg filha de Serge Gainsbourgue, da fotografa Kate Berry filha de John Barry, o músico que criou a trilha sonora de James Bond  e da atriz Lou Doillon filha o director Jacques Doillon, que apesar de não serem tão bonitas quanto ela foi, herdaram o estilo low-profile e chique da mãe.
Anúncios


No Responses Yet to “I wannabe your.. Jane Birkin!”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: